Fechar
Retrospectiva Contexto 2020 | 4º Parte

Retrospectiva Contexto 2020 | 4º Parte

O ano está terminando, mas ainda dá tempo para uma retrospectiva com todos os livros que a Editora Contexto publicou em 2020. Se você não viu a publicação anterior (clique aqui)

Julho

O passado é imutável, mas as interpretações sobre ele não são estáticas. O historiador, responsável por essas interpretações, pode revisitar temas já estudados e, assim, a História pode ser reescrita. Se novos documentos ou vestígios forem encontrados e se novas perguntas – a partir de preocupações do tempo presente – forem feitas às fontes históricas, o evento pretérito deve ser revisto e outra investigação realizada. Mas quais são os passos necessários para propor uma nova pesquisa em História? Este livro percorre um amplo panorama que apresenta, de forma didática, procedimentos e métodos que distinguem a produção do conhecimento historiográfico. A partir das ideias de historiadores essenciais para o desenvolvimento da área, o leitor é instigado a participar ativamente deste desafio que é escrever História, elaborando e executando seu próprio projeto de pesquisa. Obra voltada especialmente para estudantes de graduação.


Retrospectiva Contexto 2020 | 4º Parte

Atividades diversas e intensas do café da manhã até voltar para cama à noite. É assim o seu dia? Você já parou para refletir sobre o seu cotidiano? Qual seu propósito, o que espera da vida? Ou você alega não ter tempo para “essas bobagens”? Pois neste livro a psicóloga Nina Taboada propõe uma pausa para que pensemos como lidamos com nossas emoções, com nossos medos e, sem dúvida, com os acontecimentos do nosso dia a dia – incluindo as crises, que tanto podem nos ensinar.

Como? É importante incluir hábitos de cultivo da mente, de inteligência emocional e de propósito. Mas como chegar lá? Com exercício de autoconhecimento constante, que permite aprimoramento e aceitação de si.


O que significa pensarmos a História Contemporânea? Quais os cuidados necessários para estudar um tempo tão próximo ao nosso? O professor da usp Marcos Napolitano encara o desafio e discorre sobre os avanços e retrocessos do século xx a partir do entreguerras. Por um lado, crise econômica, genocídios, miséria, terror nuclear. Por outro, avanço tecnológico sem precedentes, conquistas democráticas em várias localidades do planeta, maior igualdade de gênero e racial, melhoria do padrão de vida. O livro chega ao século atual, cheio de incertezas, com as quebras de consensos, valores e paradigmas de organização das políticas nacionais e internacionais. Obra destinada a todos os interessados no assunto, especialmente estudantes de graduação em História.


Retrospectiva Contexto 2020 | 4º Parte

Como crianças e jovens aprendem literatura nas escolas? O ensino da literatura passou por transformações ao longo da história que podem ser lidas como uma sucessão de paradigmas. O professor Rildo Cosson, autor de Letramento literário e Círculos de leitura e letramento literário, dedica neste novo livro um capítulo para cada um dos paradigmas presentes na área no Brasil, descrevendo e analisando seus elementos constitutivos, além de elucidar aspectos conceituais, metodológicos e pragmáticos.

A obra torna mais claras as opções que ora se apresentam para o ensino escolar da literatura, ao mesmo tempo que possibilita o estabelecimento de diretrizes pedagógicas coerentes, o planejamento de longo prazo e a execução mais consistente das aulas.


Agosto

Da Antiguidade até os dias de hoje, as epidemias assombram o ser humano. Chegam sorrateiras e se instalam causando pânico e destruição. A desinformação impera e, não raro, demora-se a descobrir como a doença se propaga e o que fazer para dominá-la. A famosa peste negra matou cerca de um terço da população europeia na Idade Média.
De lá para cá, muita coisa mudou. Se por um lado a Medicina evoluiu, por outro, vivemos cada vez mais aglomerados em grandes cidades, viajando muito mais pelo planeta, o que torna a situação mais dramática e difícil de controlar. O infectologista Stefan Cunha Ujvari trata, neste livro fascinante e atualíssimo, das epidemias e pandemias mais marcantes da nossa história. Como a humanidade conviveu com essas doenças? Qual a importância das primeiras vacinas e como elas surgiram? Partindo da Grécia Antiga e chegando até os nossos dias, o livro aborda doenças como peste negra, sífilis, gripe, ebola. Dedica um capítulo para a covid-19 e mostra por que, afinal, essa doença parou o mundo. 

No final de semana tem mais 😉