Fechar
Maiúsculas e minúsculas: quando usar | Dad Squarisi
Xô, dúvida!

Maiúsculas e minúsculas: quando usar | Dad Squarisi

Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa (Volp) manda grafar com inicial grandona:

  1. nomes próprios: Rafael, Renascimento, Avenida Atlântida, Presidência da República, Poder Judiciário, Região Sul, o Sul do Brasil, Região Centro-Oeste, o Centro-Oeste, o Nordeste, Oriente, Ocidente, Antiguidade, Idade Moderna, Renascimento, Belle Époque, Seleção Brasileira, Seleção Chinesa de Vôlei Feminino, Campeonato Nacional, Copa do Mundo, Olimpíadas, Medalha do Pacificador.
  2. nome de disciplinas (a grandona é opcional): Marcos levou pau em Português e Matemática. Mas safou-se em Inglês.
  3. nomes de impostos e taxasImposto de Renda, Imposto Predial Urbano, Taxa do Lixo.   
  4. atos de autoridades quando especificado o número ou o nomeLei 2.346; Medida Provisória 242; Decreto 945; Lei Antitruste. 4.1. O ato perde a majestade em 4.1. O ato perde a majestade em dois casos. Um: depois da 1ª referência. O outro: na ausência do número: A medida provisória trata do Plano Real. O presidente vetou a lei.
  5. os pontos cardeais (Norte, Sul, Leste, Oeste). Se o ponto cardeal define direção ou limite geográfico, usa-se a inicial minúscula: O carro avançava na direção sul. Cruzou o Brasil de norte a sul, de leste a oeste.  
  6. as palavras Estado (país), União e Federação (associação de estados)A sociedade controla o Estado. A Constituição enumera as competências da União. Impõe-se preservar a Federação.
  7. datas comemorativas e nome de festas religiosas: Sete de Setembro, Proclamação da República, Natal, Páscoa, Dia das Mães, Dia dos Namorados, Dia da Árvore.Atenção, gente fina. As festas pagãs se escrevem com a inicial pequenina (carnaval, ano-novo). Também: quaresma, semana santa, quarta-feira de cinzas, sábado de aleluia.

     

  8. Nomes científicos de famílias animais e vegetais (o segundo elemento com minúscula): Coffea arabica (em grifo).
  9. Oração incluída dentro de parênteses quando constitui oração à parte, completa, precedida de ponto. No caso, começa com letra maiúscula e termina por ponto: Na praça, o sentimento geral era de grande frustração. (Nenhum candidato se dignara comparecer ao comício.)
  10. Citação: quando vem depois de dois pontos, a citação começa com letra maiúscula. Caso contrário, com minúscula: Fernando Pessoa escreveu: “Tudo vale a pena se a alma não é pequena”. Segundo Fernando Pessoa, “tudo vale a pena se a alma não é pequena”.

 Curiosidade

Na língua dos Césares, majusculus quer dizer um tanto maior. Maioral, maioria, maioridade, major, majoritário, majorar pertencem à mesma família. Todos são aparentados com maior. Por isso, têm complexo de Deus. Se deixar, ocupam um senhor espaço. Manda o bom senso pôr-lhes o pé no freio. Para dar-lhes um chega pra lá, dois princípios se impõem. Um deles: só as use nos casos obrigatórios. O outro: não as empregue para valorizar ou destacar ideias. Maiúsculas devem ser as ideias, não as letras.

Fonte: Blog da Dad


Dad Squarisi transita com desenvoltura pelo universo da língua. É editora de Opinião do Correio Braziliense, comentarista da TV Brasília, blogueira, articulista e escritora. Assina as colunas Dicas de Português e Diquinhas de Português, publicadas por jornais de norte a sul do país; Com Todas as Letras, na revista Agitação, e Língua Afiada, na Revista do Ministério Público de Pernambuco. Formada em Letras, com especialização em Linguística e mestrado em Teoria da Literatura, concentra o interesse, sobretudo, na redação profissional – o jeitinho de dizer de cada especialidade, cada grupo, cada mídia. Mas é tudo português. A experiência como professora do Instituto Rio Branco, consultora legislativa do Senado Federal e jornalista do Correio Braziliense iluminou o caminho dos livros Dicas da Dad – Português com humor, Mais dicas da Dad – Português com humor, A arte de escrever bem, Escrever melhor (com Arlete Salvador), Redação para concursos e vestibulares (com Célia Curto), Como escrever na internet, 1001 dicas de português – manual descomplicado, Sete pecados da língua, publicados pela Contexto, além de Superdicas de ortografia, Manual de redação e estilo para mídias convergentes, dos Diários Associados, e de livros infantis – de mitologia e fábulas.