Fechar
“Ciência no cotidiano” ganha prêmio Jabuti 2021

“Ciência no cotidiano” ganha prêmio Jabuti 2021

Viva a razão. Abaixo a ignorância!
Com esse subtítulo necessário, o livro Ciência no cotidiano está sempre nos dando mais e mais orgulho.

O quarto volume da coleção Cotidiano foi o ganhador do prêmio Jabuti, uma das mais importantes premiações da literatura brasileira, na categoria Ciências!!!

A obra foi escrita pela pesquisadora Natalia Pasternak, que ganhou destaque pelo trabalho de divulgação científica durante a pandemia da covid-19, e pelo jornalista Carlos Orsi.

“Ciência no cotidiano” ganha prêmio Jabuti 2021


“O livro mostra justamente a ciência no cotidiano de uma forma clara e didática. Podemos dizer que a obra funciona como uma vacina, uma proteção contra a desinformação. Quando você sabe como são feitas as descobertas científicas, os processos pelos quais elas passaram, os caminhos que a ciência percorre, você consegue perceber que há algo de errado quando a desinformação chega. Ou seja, deixa de ser presa fácil das fake news” — argumentou Pasternak em entrevista ao jornal O Globo sobre a premiação.

Além de Ciência no cotidiano, outros dois títulos da Contexto foram finalistas do Jabuti deste ano.

Alfaletrar: toda criança pode aprender a ler e a escrever, da professora Magda Soares. A autora expõe, em detalhes, um projeto de alfabetização e letramento bem-sucedido na prática, que contraria todas as estatísticas. Magda já ganhou um Jabuti em 2017 pelo livro Alfabetização: a questão dos métodos.

Escravidão contemporânea , organizado por Leonardo Sakamoto, reúne especialistas que mostram o que é o trabalho escravo contemporâneo, sua história recente, como ele se insere no Brasil e no mundo, o que tem sido feito para erradicá-lo e por que tem sido tão difícil combatê-lo. Uma obra necessária, uma ferramenta para uma das mais importantes batalhas de nosso tempo.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.