Fechar
Terço da rainha Maria da Escócia é roubado

Terço da rainha Maria da Escócia é roubado

Terço da rainha Maria da Escócia é roubado na Inglaterra. Ladrões invadiram o Castelo de Arundel e levaram peças históricas e valiosas.

Retrato da rainha Mary Stuart, da Escócia – Domínio Público / Blairs Museum / Wikimedia Commons

De acordo com informações publicadas na última segunda-feira, 24, pela Band, na última sexta-feira, 21, ladrões invadiram o Castelo de Arundel, na Inglaterra, e levaram peças históricas e valiosas do local.

Segundo revelado na publicação, os bandidos lavaram o terço que a rainha Mary Stuart, também conhecida como rainha Maria da Escócia, usou em sua execução no ano de 1587. A rainha foi decapitada, acusada de estar envolvida em uma conspiração para o assassinato da então rainha da Inglaterra, sua prima, Elizabeth I, sabendo disso, a monarca a condenou à morte.

Segundo a polícia, durante o roubo os invasores também levaram outros objetos de ouro e prata com valor histórico inestimável. De acordo com a reportagem, até o momento, nenhuma peça foi recuperada pelas autoridades locais.

De acordo com o portal Live Science, a polícia trabalha com a possibilidade de que os bandidos entraram por uma das janelas do castelo e que quebraram a porta de vidro do armário onde as valiosas peças estavam.

Os ladrões fugiram antes que os seguranças respondessem ao disparo do alarme. Um veículo 4×4 foi encontrado abandonado nas proximidades do castelo. As autoridades investigam se o carro foi utilizado no roubo.

Fonte: Aventuras na História