Fechar
O que você está aprendendo em tempos de quarentena? | Rubens Marchioni

O que você está aprendendo em tempos de quarentena? | Rubens Marchioni

Vou arriscar alguns palpites. Posso estar enganado ao tentar imaginar algumas coisas. Mas enganos sempre acontecem. E eu, certamente, serei perdoado pelos meus.

Acredito que, nessa quarentena, você esteja adquirindo novos comportamentos e mudando sua visão sobre trabalho e coisas que dizem respeito à empregabilidade. Tudo com vistas a cuidar ainda melhor do seu marketing pessoal. Mudar a maneira de pensar e agir faz bem. Renova – sem isso, endureceríamos feito barro de que já não se constroem vasos. Traz novos ares. Na hora de se comunicar com o mercado, revela um profissional que aproveitou a oportunidade para rever comportamentos e assumir novas práticas. Gente que se renova é sempre bem-vinda. Porque são pessoas capazes de identificar o que todos viram, mas poucos enxergaram, e entregar mais do que o esperado. E isso, naturalmente, pode resultar em vantagem competitiva para a empresa que lhe abriu as portas. Não por acaso, o ator, ex-lutador profissional e ex-jogador de futebol americano universitário pela Universidade de Miami, Dwayne Orton, sugeriu certa vez que “Todas as empresas deveriam ter um vice-presidente encarregado de renovação constante”.

Além disso, penso que você esteja entendendo melhor, ou não entendendo nada, assim como eu, a forma como certo Poder tem agido em relação à pandemia – ela gera confusão na cabeça das pessoas, polariza. Por conta disso, manipuladas, muitas pessoas adotam um comportamento incompatível com o que é esperado num cenário caótico como este. Trata-se de ações inconsequentes, praticadas por autoridades palacianas irresponsáveis. Esse modo de agir deseduca ao neutralizar o que as maiores autoridades em ciência do mundo todo recomendam como forma de conter o avanço do vírus e reduzir o número de mortes.

Por fim, e deixando o eixo meramente horizontal, creio que em sua vida o contato com o sagrado se deslocou. Ele agora foi para a sua casa. E, sem vela, nem altar, ela se transformou no seu novo templo e local de adoração. Isso, apesar de uma possível reação contrária a esse deslocamento. Afinal, durante sua vida você aprendeu que algumas coisas que pareciam imutáveis eram apenas paradigmas cristalizados. Alguns exemplos? O lugar de trabalhar é a empresa; o lugar de estudar é a escola; o lugar de falar com o Sagrado (tenha ele o nome que você desejar) é a igreja. Fato é que nos tornamos pessoas e profissionais com um perfil nunca antes imaginado, mantendo o equilíbrio sobre a corda bamba de um mundo, tantas vezes, administrado com critérios explícitos de irresponsabilidade. Enquanto isso, esperamos pela salvação que pode vir apenas do Criador, hoje habitando as nossas casas de um jeito diferente. Amém.


Rubens Marchioni é palestrante, produtor de conteúdo, blogueiro e escritor. Eleito Professor do Ano no curso de pós-graduação em Propaganda da Faap. Pela Contexto é autor de Escrita criativa: da ideia ao texto. https://rumarchioni.wixsite.com/segundaopcao / e-mail: [email protected]